como conquistar clientes fixos

5 Dicas para o Freelancer conquistar clientes fixos (e não faltar jobs)

Uma série de atitudes e comportamentos podem ajudar todo freelancer a ter clientes fixos, que o contratem com regularidade. Ensinei 5 formas que eu apliquei na minha carreira e podem te ajudar!

O desafio de todo freela que está começando é nunca saber como será o mês seguinte.

E quando aquele projeto acabar? E quando eu terminar de enviar aquele pacote de textos? Como vou conseguir novos clientes?

E se eu te dizer que em 80% das vezes você não precisa ter novos clientes?

Quer aumentar seus ganhos como Freela?
E-book completo e grátis que vai te ajudar agora a aumentar em até 82% o seu rendimento.

Hoje, eu praticamente não busco mais por novos clientes. Isso porque eu aprendi como fidelizar aqueles clientes que me procuravam apenas para projetos avulsos, tornando-os em clientes fixos.

Mas nem sempre foi assim!

Por muito tempo eu também sofri com a dificuldade e as inseguranças de não saber o que fazer no mês seguinte e perder horas e mais horas buscando por projetos em sites de freelas e grupos de Facebook.

Vou compartilhar com você os 5 segredos que me ajudaram a conquistar os meus clientes fixos!

Ajude seu cliente

A regra de ouro para toda pessoa que deseja ser lembrada é ser alguém útil.

E ser um freelancer útil significa ser o melhor freelancer que o seu cliente pode ter.

Isso pode se aplicar de várias formas:

  • Sendo o freelancer que sempre consegue entregar trabalhos com prazos curtos;
  • Sendo o freelancer que oferece diferentes soluções para os desafios do seu cliente;
  • Sendo o freelancer que entende quais as necessidades que o cliente possui e entregando justamente aquilo que ele precisa;
  • Sendo o freelancer que possui mais conhecimento e qualificação;
  • Sendo o freelancer que entrega as ideias mais originais.

Tudo isso são formas de ajudar o seu cliente e de você se mostrar como alguém que é útil.

Quando o freelancer passa ao cliente aquela sensação de que “esse profissional é diferenciado“, acredite: ele não vai querer outro profissional para fazer o que você já faz de melhor.

Foi assim que eu fidelizei um dos meus clientes mais importantes.

No meu caso, como redatora, eu escrevia os textos mais envolventes para os temas mais difíceis. Sabe aquele assunto que parece que vai sair um texto super chato e difícil de ler? Eu sabia que o cliente precisava de um texto que prendesse a atenção do leitor, mantendo-o por muito mais tempo dentro do seu site, então eu me esforçava ao máximo para fazer um texto assim.

Era difícil e desafiador, mas sempre fui recompensada, pois eu trabalho há mais de 3 anos com esse cliente e sempre que preciso de um job, recorro a ele.

Além disso, este foi um cliente que já me indicou para mais de 10 outros clientes.

Para mim, isso foi o que mais me possibilitou ganhar cada vez mais como freelancer. Um único cliente, muitas vezes, pode mudar todo o jogo para você.

Ou seja, vale a pena se dedicar para conquistar um (bom) cliente fixo.

conquistar clientes fixos

Entregue resultado

O que virou a chave para mim foi perceber que eu nunca estava entregando apenas um texto, pois meu cliente tinha um objetivo com aquele texto.

Meu compromisso precisava ser com o objetivo do cliente.

O que isso significa?

Se eu for escrever um texto no qual o cliente deseja vender um curso como afiliado, preciso escrever um texto bastante persuasivo que consiga passar ao leitor a necessidade e o desejo de obter aquele produto.

Também pode ser que o objetivo do cliente seja o de manter o leitor em seu site por 5 minutos, preciso escrever um texto envolvente que faça o leitor ler até a última palavra.

Ou então, pode ser que o desejo do cliente seja construir conteúdos para formar a sua autoridade. Nestes casos, preciso montar textos bem elaborados, com conhecimento aprofundado e que passe confiança a quem está lendo.

Tudo isso são técnicas diferentes de escrita que geram resultados.

Não se trata apenas de escrever um texto.

E mesmo que você não seja um redator freelancer, sendo um designer, uma assistente virtual, um social media… Enfim, você pode adaptar esse ensinamento para a sua área e se perguntar: qual resultado o cliente espera do meu trabalho?

Faça desse resultado a sua grande missão e não encare suas tarefas mais como simples serviços.

O seu cliente sempre estará disposto a pagar mais e te contratar mais vezes se enxergar que você o ajuda a alcançar seus objetivos.

Bom relacionamento

Aprender a construir bons relacionamentos profissionais também é muito importante para fidelizar os clientes que chegam até você.

Afinal, não se trata somente dos serviços entregues, mas de toda a forma como você e o cliente se entendem.

Isso começa na comunicação: sempre busque ser claro com seu cliente sobre tudo, tirando dúvidas (para evitar cometer erros!) e se disponibilizando para ajudá-lo também.

No entanto, todos os relacionamentos precisam possuir limites também.

E isso é essencial na relação entre o freelancer e o cliente, especialmente porque cada profissional freelancer trabalha de uma forma diferente.

Por exemplo, há profissionais que respondem mensagem do cliente em qualquer horário – até de madrugada! E há aqueles que trabalham em um horário definido.

Há freelas que trabalham fins de semana e feriados. Outros, não.

Esclareça isso sempre com seus clientes, lembrando-se de que ele pode já ter trabalhado com outros freelas que fazem de forma diferente, e, por isso, podem possuir expectativas diferentes.

Por exemplo, um cliente te manda mensagem às 23h esperando que você responda, pois, ele já trabalhou com um freelancer que fazia isso.

No dia seguinte, você pode enviar uma mensagem a ele dizendo “Fulano, bom dia. Vi sua mensagem ontem, mas meu horário de trabalho é das X às X horas, por isso não lhe respondi antes“.

E ainda há as limitações com relação ao seu trabalho: você faz alterações no serviço? Se sim, quantas? Se não, quanto custa?

Tudo isso é muito importante a ser esclarecido para melhorar o relacionamento com seu cliente.

O combinado não sai caro, lembra?

Por isso, além de sempre comunicar bem os seus critérios de trabalho, é sempre importante formalizar essa situação com um contrato.

Construir acordos em qualquer relação é essencial para alinhar as expectativas e evitar frustrações e estresses desnecessários, que causam desgaste e podem acabar destruindo a chance de uma verdadeira parceria que traria benefícios para ambos os lados.

conquistar clientes fixos

Peça feedbacks

O freelancer que deseja ter clientes fixos precisa estar bastante disposto a melhorar sempre o seu serviço.

E uma das formas de fazer isso é sempre buscar entender o que seu cliente está achando do que você está entregando.

Será que ele está satisfeito? O que acredita que pode melhorar? Deseja que algo seja diferente? Você deve seguir na mesma linha?

Tudo isso ajudará você a entender quais são as expectativas do cliente, entregando aquilo (e mais) do que ele espera.

Além disso, ao pedir feedback é importante que você mostre uma postura de proatividade, disposto a melhorar o seu trabalho para poder ajudar o cliente a atingir os objetivos dele (primeiro tópico, lembra?).

O pedido de feeback também é importante para seu cliente, que enxerga em você um profissional atento ao que ele precisa e abre um canal de comunicação no qual vocês possam alinhar as expectativas e o trabalho.

Proponha continuidade

Um erro muito comum que muitos freelancers cometem é não propor ao cliente mais oportunidades para seguirem trabalhando juntos.

Vamos supor que um cliente chega para você e diz “eu tenho um projeto e preciso de 15 artigos para esse mês”.

Então, ao concluir os 5 artigos, você simplesmente esquece esse cliente e segue em frente, procurando por novos clientes.

Você já perguntou ao seu cliente se ele tem interesse em fechar um pacote mensal? Propôs a ele algo que você pode ajudá-lo?

Isso foi o que mudou minha relação com meus clientes!

No meu caso, como redatora, sempre que o pacote de textos daquele cliente está chegando ao fim, eu pesquiso novas pautas que estão relacionadas e proponho darmos continuidade com aqueles temas que tem tudo a ver com o site e público dele.

Isso é visto não só como uma proatividade, mas a entrega de uma solução, pois, em muitos casos, o cliente não precisará ficar pesquisando mais novas pautas para me entregar, poupando seu tempo e energia.

Para ele, vai ser muito mais prático seguir trabalhando comigo do que com outros profissionais.

Outra estratégia que uso bastante também é o gatilho mental de escassez: eu falo para o cliente sobre a minha agenda.

Ele pode até dizer “ah, esse mês não preciso mais de textos”.

Mas eu aviso: estou já me organizando para fechar a agenda do mês seguinte, você tem interesse em separar um pacote de textos? Já deixo espaço reservado para nosso projeto.

Quando chega perto do mês acabar, eu volto a mandar mensagem avisando-o.

Ter clientes fixos facilita a vida de todo freelancer!

Você não precisa perder tempo em busca de novos clientes e projetos, não gasta sua energia desenvolvendo propostas para novos trabalhos e, com o passar do tempo, constrói relações de trabalho sólidas, o que garante muito mais segurança para você.

Gostou do texto? Aproveita e baixe também o nosso e-book com mais dicas sobre como você pode ganhar cada vez mais como freelancer!

Quer aumentar seus ganhos como Freela?
E-book completo e grátis que vai te ajudar agora a aumentar em até 82% o seu rendimento.